Objetivo: Simular o Planejamento e a Execução de um projeto. Para isso serão elaborados o cronograma e o orçamento. Além disso, será feito o acompanhamento de atividades e o tempo de execução.
.
Material: 1 deck (maço) de cartas de baralho para cada equipe.
 .
Duração
  • 10 min para planejar a execução
  • 30 min para montar (o castelo de cartas)
  • 3 min para fazer o controle do andamento
  • 2 min para comentar sobre a execução
 .
Organização:
  • Separar os particippantes em grupos com número igual de pessoas
  • Definir um Gerente de Projeto para cada grupo
  • Distribuir a Folha de acompanhamento (cortesia do Prof. Eli Rodrigues)
Como funciona
As equipes devem:
  • Planejar o projeto – Definir a estratégia de montagem, listar atividades e estimar sua duração (10 min)
  • Apresentar o projeto – desenho do modelo que vai ser montado e o custo do mesmo (conforme as cartas escolhidas), para validação com o cliente
  • Executar o projeto – conforme o plano, anotando os tempos de execução
  • Controlar o projeto – Ao final da atividade deve-se calcular a variação de tempo conforme a Folha de acompanhamento
  • Apresentar o resultado – Comentar a estratégia utilizada avaliando como transcorreu a atividade, bem como, o que pode ser melhorado em uma próxima rodada
Regras do jogo
  • Cada grupo receberá 1 maço de cartas de baralho.
  • O castelo deverá ser montado apenas com as cartas fornecidas
  • A cada carta será associado um valor financeiro, a saber: A= R$ 1,00, 2= R$ 2,00, e assim por diante (as figuras valem respectivamente Q=11, J=12 e K=13 reais)
  • O projeto será vendido pelo valor correspondente à soma das cartas utilizadas, não podendo exceder o valor de R$ 160,00
  • O grupo deverá apresentar o custo de venda do projeto, associado ao desenho do modelo, para aprovação do cliente (que é a pessoa na condução da dinâmica)
  • Assim que o projeto for aprovado o time deverá iniciar a execução do mesmo
  • Evitar refazer atividades, mas se refizer, a duração deverá ser somada
Para quem aplica a dinâmica
Após iniciar a execução do projeto o orientador – representando o papel de cliente – deve impor uma restrição na construção do castelo (o que leva à uma Solicitação de Mudança/SM no projeto): só devem ser utilizadas cartas pretas (ou vermelhas, ou pares, etc.). Os grupos devem reavaliar o projeto e validar as mudanças em um Comitê de Controle de Mudanças com o cliente. Dependendo da dificuldade que os times tiverem de montar o castelo a SM pode permitir o uso de fita adesiva para fixação das cartas.
.
Análise Final
Neste momento os participantes podem comentar livremente sobre as dificuldades em gerenciar o projeto, em seguir o plano, a estratégia adotada e as lições que aprenderam.
  .
Resultados
Participantes terão uma vivência no gerenciamento de um projeto que, ainda que relativamente simples, contém várias dificuldades, indefinições, atrasos, conflitos e exige bastante negociação.
Anúncios